Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Junior um seminarista exemplo de oração e vida doada a serviço da evangelização.



O sábado 17/08 foi de festa e muita oração para a comunidade católica da Paroquia São Pedro de Juruena.
Caravanas de Aripuanã, Cotriguaçu, Colniza, Juina, Castanheira e Brasnorte se juntaram a Juruena para celebrarem juntos a Ordenação Sacerdotal de Junior Lellis.

Um altar foi construído na frente da Paroquia, o gramado, as áreas de calçadas e até o asfalto em frente a igreja ficaram repletos de pessoas, mesmo juntando os bancos da igreja, as cadeiras do centro de formação e outras que foram arranjadas na cidade mesmo assim não foi suficiente para que todos ficassem sentados durante a celebração.

Mesmo em pé os fieis permaneceram atentos a todos os momentos da celebração, em alguns momentos até se emocionando.


Dom Neri conduziu a celebração da ordenação ao som de lindos cantos preparados com muito carinho pela comunidade.

Emocionados os fiéis se manifestaram com muitas palmas quando o bispo concluiu a ordenação ungindo as mão do padre com óleo e apresentando o para todos, o padre e o bispo desceram do altar e caminharam entre os fieis mostrando as mãos.

Outro momento emocionante foi quando a mãe de Junior subiu o altar e abraçou o filho, em seguida os amigos de Jundiaí São Paulo.

O Bispo Dom Neri disse ao novo padre “ A Igreja é Missionária, agora você é um ungido do senhor, cuide do povo de deus”.

O seminarista Junior Cesar Lellis,agora Padre Junior Lellis, escolheu a diocese de Juina mais precisamente a paróquia de Juruena para concluir a sua formação presbiteral, ele é natural de Guaíra Paraná, filho de José Lellis e Dirce Batista da Silva, Junior tem dois irmãos Adriana Lellis e Lucas Henrique Lellis.

Começou a formação vocacional em Jundiaí São Paulo depois de alguns meses foi recolhido pelo Mosteiro de São Gilberto onde recebeu a formação religiosa.
Cursou filosofia na faculdade de São Bento em São Paulo, e a Teologia na UNISAL – Centro Universitário Salesiano.

Fala de dom Neri:“Junior quando decidiu entrar no Seminário, vendeu um carro que tinha e deu o dinheiro para a mãe, o dinheiro que recebeu da empresa como direitos trabalhistas, doou para a casa de formação para ajudar a igreja na formação de novos sacerdotes”

Após a celebração todos se dirigiram ao centro de eventos paroquial onde foi servido jantar, também preparado pela comunidade.

Fonte:  JNMT
Fotos: Nilson César /DN Notícias
Daqui a pouco  mais fotos

Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.