Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Ao menos 500 andores de Nossa Senhora Aparecida de comunidades católicas de toda baixada cuiabana, Rondonópolis, Curitiba e Rio de Janeiros compareceram à festa católica.  Mesmo com chuva devotos assistiram à missa celebrada pelo Arcebispo de Cuiabá Dom Milton
Ao menos 500 andores de Nossa Senhora Aparecida de comunidades católicas de toda baixada cuiabana, Rondonópolis, Curitiba e Rio de Janeiros compareceram à festa católica. Mesmo com chuva devotos assistiram à missa celebrada pelo Arcebispo de Cuiabá Dom Milton
Foto de Rafaela Maximiano
Nem mesmo a fina e constante chuva impediu que cerca de 20 mil fiéis acompanhassem a procissão dos mais de 500 andores de Nossa Senhora Aparecida, que circularam no pátio do Memorial João Paulo II no terceiro dia de Vinde e Vede no grande Cenáculo Mariano.
 Antes da procissão, os fiéis assistiram à pregação realizada pelo Padre Laurent Larroque, responsável mundial peloMovimento Sacerdotal Mariano. “Destacamos de forma especial nesse dia a oração do Santo Rosário, a adoração ao Santíssimo Sacramento, a consagração dos Sacerdotes e fiéis à Nossa Senhora Aparecida e a Santa Missa presidida pelo nosso Arcebispo Metropolitano de Cuiabá, Dom Milton Santos”, citou a coordenadora Geral do 31º Vinde e Vede, Inês Vaz.
Depois da procissão, o arcebispo de Cuiabá Dom Milton dos Santos, celebrou uma missa. Mesmo com chuva, católicos se reuniram para homenagear a padroeira. Inúmeros guarda-chuvas foram abertos, fazendo um mar de sombrinhas diante do palco montado para o momento religioso.
A programação dessa terça-feira (28) começou às 14h, com acolhida, orações e palestras, com milhares de fiéis seguindo até o local para renovar os pedidos e agradecer as graças alcançadas. Saúde, emprego e casas próprias estavam entre os pedidos mais comuns ao longo do dia.
Para a dona de casa Ana Maria do Carmo, é essencial louvar Nossa Senhora. "Vim agradecer por tudo que tenho, pelo emprego dos meus filhos, minha sogra fez uma cirurgia agora e está tudo bem com ela, pelos meus netos que estão todos bem de saúde", enumerou.
O auxiliar de manutenção Antonio João da Silva faz aniversário na semana do carnaval, e ao completar 65 anos, credita à mãe de Jesus todas as graças alcançadas. "São 31 anos que eu compareço aqui. Nossa Senhora é minha mãe. Consegui terminar de construir minha casa, praticamente tenho minha aposentadoria e continuo trabalhando. É um aniversário especial, todo ano estou aqui. Desde a primeira edição realizada no antigo estádio doVerdão", contou.
Durante a missa o arcebispo utilizou ao invés do chamado “sermão” a “homília” que tem objetivo de explicitar as citações litúrgicas. “Não basta explicar os textos bíblicos é preciso ligá-los com a realidade da comunidade para fazer arder os corações, abrindo-os a conversa e às transformações pessoais e da sociedade”, explicou Dom Milton Santos.
Fonte: O Documento
Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.