Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Sesp monitora a reocupação da Serra da Borda, em Pontes e Lacerda

Garimpo em MT é monitorado pela Secretaria de SegurançaInteligência monitora a ocupação
A Secretaria de Estado de Segurança Pública (Sesp) acompanha a situação do garimpo da Serra da Borda, em Pontes e Lacerda, desde a terceira grande invasão ocorrida no final de dezembro. Mesmo após a desocupação realizada no final de janeiro, a Secretaria Adjunta de Inteligência monitora a ocupação novamente do local, que é uma área da União, e também a criminalidade da cidade.
Antecipando a decisão judicial de 17 de janeiro, a Sesp reintegrou a área e permaneceu no local por mais 10 dias. Contudo, a manutenção da segurança do local, segundo a Justiça Federal, é de obrigação das duas mineradoras que tem autorização para estudos de lavra pelo Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM).
“Uma vez que requereu e assumiu a pesquisa do local, compete à empresa a garantia da segurança aos seus funcionários no trabalho exercido. Obrigar o Estado a fazer a segurança permanente do local, com a pesquisa da lavra sendo realizada por uma empresa particular é privatizar os lucros e socializar os prejuízos. Perde-se a fonte de receita e transfere-se ao estado o custo de arcar com a segurança, socializando os danos”, diz trecho da decisão da juíza federal Ana Lya Ferraz da Gama Ferreira.
Na decisão, a magistrada ainda estabeleceu que após a desocupação as duas empresas deveriam assumir a área objeto da autorização concedida, apresentando a segurança necessária e suficiente para exploração da atividade exercida, sob pena de multa de R$ 50 mil por dia de atraso na retomada da posse do local.
O relatório da inteligência da Sesp sobre a situação da Serra da Borda será encaminhado ao Ministério Público Federal, Ministério da Justiça, Agência Brasileira de Inteligência (Abin), Polícia Federal, Ministério Público Estadual e para a Justiça Federal de Cáceres, já que a União descumpriu a decisão judicial.
Fonte: 24 Horas News


































































Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.