Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Uma moradora de Cuiabá teve o chip de celular clonado e R$ 4 mil retirados da agência bancária. Segundo a vítima, o telefone dela ficou sem sinal por um período na semana passada e no mesmo dia recebeu uma mensagem de que houve uma movimentação na conta bancária dela. Quando a vítima foi conferir, percebeu que teve R$ 4 mil retirados para pagamento de faturas.
Imediatamente a vítima avisou parentes e amigos o que tinha ocorrido. No dia seguinte, uma amiga recebeu um pedido de ajuda do telefone da vítima: era o estelionatário pedindo mais dinheiro. O telefone dela foi clonado. “Fui até a própria operadora da linha para tentar resolver pessoalmente isso. Foi quando um atendente foi verificar o meu número de telefone e descobriu que ele estava clonado”, afirmou.
 Segundo um atendente de operadora de telefonia, o caso faz parte de um esquema que envolve criminosos que aliciam funcionários das operadoras de celular. Ele diz que já recebeu uma proposta de R$ 300 para clonar um chip de celular. Ele também afirmou que os funcionários são treinados e passam por orientações a respeito da ética com o cliente. “O prejuízo é tanto para o cliente, que se torna vítima, quanto para a operadora, que também é vítima, assim como o banco, que tem valores subtraídos do cliente e tem que ressarcir a vítima”, disse o delegado da Polícia Civil, Flávio Stringuetta.
 A vítima que teve o dinheiro subtraído já negociou com o banco sobre a devolução do dinheiro.
Fonte:G1 Mt
Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.