Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação
A Energisa está investindo forte na região do médio-norte mato-grossense. São aproximadamente R$ 25 milhões destinados a obras de melhorias e expansão da rede elétrica de Nova Ubiratã, que trará benefícios e oportunidades para uma região que antes carecia de investimentos. As obras contemplam a construção de uma nova subestação e 70 quilômetros de linhas de distribuição de alta tensão (138kV).
Até então, a cidade era atendida pela subestação de Boa Esperança e a energia era distribuída por um sistema de média tensão (34,5 kV). A necessidade de investimento local foi mapeada pela equipe de Planejamento da distribuidora, que estudou as melhores possibilidades para atender a expectativa da população e demanda energética futura.

“Podemos assegurar que não há mais problemas com a rede de distribuição de energia para a chegada de novas empresas na região. Fizemos o investimento pensando no futuro e na possibilidade de crescimento de Nova Ubiratã e todos os municípios próximos”, explica Luciano Vogel, gerente de Manutenção de Subestações e Linhas de Alta Tensão da Energisa Mato Grosso.

A região é reconhecida pela produção do agronegócio, com fazendas de soja, milho e algodão instaladas, atividades que exigem cargas altas para operação de seus armazéns e pivôs. Como não ocorreram investimentos nos anos anteriores à chegada da Energisa, as possibilidades de atendimento a pedidos de novos clientes foram ficando limitadas. Com a inauguração da nova linha e da subestação, essa realidade passa agora por transformações, como aponta o diretor-presidente da Energisa Mato Grosso, Riberto José Barbaneira.

“Encontramos em Mato Grosso um cenário econômico muito peculiar, com muitas cidades dependendo de investimentos na rede de distribuição para poder ter o impulso necessário com indústrias. Do outro lado estavam estruturas da empresa há algum tempo sem manutenção. Temos trabalhado muito desde que chegamos para oferecer um serviço de qualidade aos nossos clientes e faremos isso continuamente”.
Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.