Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Reprodução/InternetEm continuidade a Operação Malebolge, na manhã desta sexta-feira (15), a Polícia Federal cumpre mandado de prisão, busca e apreensão na manhã desta sexta-feira (15) contra o deputado Gilmar Fabris (PSD). Ele, que estava em Rondonópolis (212km de Cuiabá/MT) se encontra sob escolta a caminho da Cuiabá. Gilmar Fabris, que confirmou a prisão ao Circuito Mato Grosso,  é um dos alvos da investigação homologada pelo ministro Luix Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF). 
Logo cedo os agentes estiveram fazendo busca e apreensão no apartamento do parlamentar localizado no bairro Santa Rosa. De lá os agentes levaram alguns documentos da residência e aparelhos eletrônicos. Segundo a assessoria do agora deputado afastado, ele não se pronunciará sobre procedimentos em fase de investigação. Em nota, Fabris disse que respeita a as investigações e que irá se defender no momento oportuno.
Fabris se tornou alvo da investigação após a delação do ex-governador Silval Barbosa (PMDB) que entregou à Procuradoria-Geral da República (PGR) gravações do pagamento de propina em troca de apoio dos deputados que exerciam mandato na Assembleia Legislativa. Nas imagens, Gilmar aparece reclamando o recebimento de apenas “um pedaço” do mensalinho, uma quantia de R$ 50 mil. Confira abaixo as imagens
VALQUIRIA CASTIL/CMT
Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.