Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

quadro-camila-piran.jpgO empresário José Chaldel Maluf, o Zezo, sócio de uma construtora, agrediu com soco no rosto a empresária do ramo imobiliário Aline Camila Piran, dentro de um dos elevadores do Shopping Goiabeiras, em Cuiabá, no sábado, por volta de 23h30. A denúncia, registrada em boletim de ocorrência, foi feita pela própria Camila, minutos depois, na Delegacia de Polícia.
O namorada da empresária, Amir Malouf, primo de Zezo, constou em BO também como vítima, inclusive de ameaças de morte.
Camila disse, em entrevista ao , que nesta segunda vai procurar a Delegacia Especializada da Defesa da Mulher para enquadrar Zezo na Lei Maria da Penha. Pretende recorrer às imagens do circuito interno do shopping para provar a acusação.
A briga deve ganhar repercussão porque tratam-se de famílias tradicionais, conhecidas e influentes em Cuiabá.
samir malouf
Amir Maluf acusa o primo Zezo
Segundo Camila Piran, filha do empresário Aguir e Délia Piran, ela saiu do cinema com o namorado Amir Malouf e, quando entraram no elevador, se depararam com Zezo e a esposa Verônica e com Samir Kehdi e a esposa Lili. Conta que Verônica passou a provocar Camila, com agressões verbais. Teria chamado-a de "pessoa insignificante" e recorrido a outros adjetivos para destratá-la. Nessa hora, revela Amir, Zezo também passou a agredi-la e, ainda no elevador, aplicou um soco no rosto de sua namorada.
No BO, a vítima  narra que caiu e desmaiou. Denuncia ainda ter sido ameaçada de mortes por Zezo. As duas famílias travam embates judiciais e não se entendem por causa de desavenças comerciais.
Outro lado
Zezo Maluf, que mora no bairro Quilombo, foi procurado para comentar sobre a denúncia, mas não atendeu às ligações e nem deu retorno aos recados deixados em seu aparelho celular. Mais tarde, em nota, citou que move uma ação, desde o início do ano, contra Camila Piran por causa de desacordo comercial e que, desde então, ele e membros de sua família têm sido vítimas constantes de agressões verbais e físicas por parte de Aline Piran.
Menciona que o filho de José Maluf já foi agredido fisicamente em outra oportunidade pela empresária e foi registrado boletim de ocorrência  na época. Na versão de Zezo, Aline Piran e seu namorado Amir Maluf abordaram-no rispidamente, assim como sua esposa, no elevador do shopping após sair do cinema, iniciando uma discussão em torno da ação judicial.
"Após o descontrole de Aline Piran, ela e seu namorado começaram as agressões e, em legítima defesa, para me proteger e também a minha esposa, entrei em vias de fato com Amir, momento em que a empresária foi atingida". Por fim, Zezo afirma lamentar a discussão provocada, segundo ele por Aline Camila Piran, mas ressalta que em nenhum momento houve ameaças por parte dele e informa ainda que tomará as medidas cabíveis para resguardar a integridade e segurança de sua família.
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.