Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

 Cinco pessoas foram presas em uma operação de combate à exploração, ao transporte e à comercialização ilegal de madeira na Terra Indígena (TI) Apiaká-Kayabi, em Juara (695 km de Cuiabá).

   Foram apreendidos os bens e equipamentos utilizados nas infrações ambientais.

    Os agentes ambientais encontraram ainda 25 kg de carne de animais silvestres, três armas de fogo e munições de diversos calibres.

   O resultado da operação foi anunciado nesta terça-feira (12) e os suspeitos foram encaminhados à Polícia Federal de Sinop.

   Eles serão indiciados por porte ilegal de arma de fogo, caça e exploração ilegal de madeira, furto e associação criminosa.

    Atualmente, técnicos do Ibama investigam os danos ambientais causados à TI Apiaká-Kayabi, já que foram encontrados indícios de corte recente em uma grande quantidade de madeira em tora.

   A TI se expande por 109,2 mil hectares e é ocupada por aproximadamente 800 indígenas segundo o ultimo senso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).
Fonte: midiaNews
Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.