Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

 Mato Grosso registrou a segunda maior receita em exportações de carne bovina da história e ultrapassou o estado de São Paulo. Foram US$ 125,66 milhões em negócios com a venda de 29,56 mil toneladas de carne, em agosto.
    Os dados são da Secretaria de Comércio Exterior (Secex) e confirmam a informação divulgada no boletim do mês anterior do Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), de que o estado havia se aproximado muito de São Paulo nas exportações da proteína.
    A receita do estado foi 1,4% superior a receita dos paulistas (US$ 123,9) e representa 20,79% do faturamento brasileiro com exportação, se tornando, temporariamente, o maior exportador de carne bovina do país.
Quase lá
    Em julho, Mato Grosso já havia batido outros recordes no setor da pecuária. Comercializou o maior volume de carne in natura dos últimos três anos e quatro meses, com a venda de 24,46 mil toneladas e registrou a maior receita do estado desde novembro de 2015, com US$ 107,16 milhões em vendas.
    À época, faltou pouco para Mato Grosso superar São Paulo, até então o maior exportador de carne brasileira. Na ocasião, produtores paulistas movimentaram US$ 107,59 milhões em negócios, valor 0,4% maior do que o registrado por Mato Grosso.
Preço
Segundo o boletim do Imea, apesar da oferta de gado ainda estar retraída, os preços da arroba “esfriaram”. A alta registrada foi menos expressiva que nas duas semanas anteriores, ficando em 1,26% para o boi gordo e 1,39% para a vaca gorda, cotados a R$132,85 e R$ 125,51 a arroba, respectivamente. 

Em relação a escala de abate, foi registrada uma pequena reação, fechando a semana em 4,85 dias ante os 5,13 dias registrados duas semanas atrás. A escala é o número de dias que os frigoríficos mato-grossenses contam com animais comprados para manter a operação. 

Uma escala mais longa significa maior oferta de animais, e uma escala mais curta, menor disponibilidade de animais para abate. O indicador é uma ferramenta importante para balizar a oferta de animais no mercado.
Fonte: O livre
Marcadores:

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.