Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

O deputado estadual Zeca Viana (PDT) afirmou que a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa vem sendo submissa ao Governo do Estado, quando não aciona o Executivo na Justiça pelo não pagamento dos duodécimos. “O presidente vem sendo muito complacente com o Governo em não ir à Justiça cobrar os repasses. Agora o que está em jogo são os salários dos servidores da Assembleia. Não pode ser tão frouxo assim, tem que ir para cima e cobrar porque dívidas todos têm, só não pode deixar de lado arriscando o bom funcionamento dessa Casa”, disse o pedetista.
O governador Pedro Taques recebeu na última semana representantes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, para a expor os problemas fiscais vivenciados pelo Estado e alinhar quitação de débitos relacionados ao repasses de duodécimos, pagamento de salários e 13º do Executivo. Na oportunidade o secretário de Fazenda, Gustavo Oliveira, destacou a posição do Ministério da Fazenda de que Governo Federal dificilmente oferecerá ajuda financeira aos Estados neste momento e citou os investimentos assegurados pelo Governo de Mato Grosso até o final do ano.
Oliveira ainda garantiu que os repasses atrasados estão na programação e o Executivo aguarda a chegada do Auxílio Financeiro de Fomento às Exportações (FEX). “Nós programaremos o Tesouro para fazer os repasses necessários para que os poderes honrem com sua folha de pagamento, podendo esperar a chegada de R$ 350 milhões do FEX. Também há alguns recursos extraordinários previstos de agora até o final do ano, para que não haja problemas de custeio ou no adimplemento da folha”, concluiu.

Fonte: A Gazeta (foto: JL Siqueira)
Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.