Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

O ex-prefeito de Mirassol D’Oeste (a 329 km de Cuiabá), Elias Mendes Leal Filho (PSD), ingressou com queixa crime contra um eleitor da cidade por calúnia e difamação. O eleitor teria usado a rede social afirmando que o ex-gestor estava “se cagando todo com medo de perder a eleição” e acusá-lo de “lesar aos cofres públicos”.

Elias Mendes concorreu à Prefeitura de Mirassol D’Oeste nas eleições de 2016, sendo o candidato mais votado do município ao obter 7.830 dos votos nas urnas, o equivalente a 52,25% do total. Porém, ele não assumiu porque o Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MT) manteve a sua inelegibilidade por ato de improbidade administrativa.

Em meio ao embate judicial, um morador da cidade identificado como F.H.I, utilizou sua rede social “Facebook” para criticar Elias Mendes.

“Esse papel eu consigo fazer em meu computador não prova nada que você está falando a verdade, as urnas vão dizer é eu aposto que você está se cagando todo com medo de perder a eleição e o rombo da prefeitura ser descoberto”, diz trecho extraído dos autos o qual cita a publicação.

Em decisão preliminar, a juíza da 18ª Zona Eleitoral, Edna Ederli Coutinho, julgou parcialmente procedente a ação e condenou o morador ao pagamento de multa no valor de R$ 1 mil.

Além disso, ela determinou a realização de audiência de instrução para o dia 05 de outubro de 2017, às 13h00, na sede do Fórum da Comarca de Mirassol D’Oeste, Gabinete da 2ª Vara.


Fonte: VG Notícias
Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.