Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT


Foto: Notas apreendidas em outras ocasiões
Os comerciantes da cidade de Juína/MT precisam estar cada vez mais atentos para não saírem no prejuízo. Nesta semana cédulas falsas de R$ 100,00 foram flagradas por comerciantes e pela Associação Comercial e Empresarial de Juína (ASCOM).
O Presidente da entidade, Marcelo Pagnussat, assim que tomou conhecimento desta fraude procurou a Polícia Civil, para registrar um boletim de ocorrência. A empresa dele também recebeu notas falsificadas.
- É um prejuízo grande para o comércio que passa por dificuldades, que não está preparado para isso. Cada vez mais a falsificação está completa, a nota falsa é muito parecida com a verdadeira, confira com cuidado para que não possa ser lesado – descreveu o presidente.
Qualquer informação que possam chegar a esses criminosos comuniquem a polícia no 197 ou 190.
Fique atento para não entrar em roubadas
O Banco Central dá uma série de dicas para identificar notas falsas. Em primeiro lugar, é importante olhar a marca d’água. Basta segurar a cédula contra a luz, olhando pela frente da nota (lado que contém a efígie), e observar na área clara as figuras dos animais, em tons que variam do claro ao escuro.
O segundo passo é descobrir o número escondido. Com a frente da nota na altura dos olhos, na posição horizontal, em um local com bastante luz, é possível ver aparecer o número indicativo do valor dentro do retângulo no lado direito da nota.
Outra forma de não cair em golpes desse tipo é descobrir a faixa holográfica. Na nota de R$ 50,00, o número 50 e a palavra REAIS se alternam, a figura da onça fica colorida, e na folha aparecem diversas cores em movimento. Na nota de R$ 100, o número 100 e a palavra REAIS se alternam. A figura da garoupa fica colorida, e no coral aparecem diversas cores em movimento.
O último conselho é sentir o relevo. Pelo tato, é possível perceber o relevo em algumas áreas da nota.
Na frente: na legendas “República Federativa do Brasil”, no numeral do canto inferior esquerdo; no numeral do canto superior direito (somente nas notas de R$ 50,00 e R$ 100,00), nas extremidades laterais da nota.
No verso (somente nas notas de R$ 20,00, R$ 50,00 e R$ 100,00): na legenda “Banco Central do Brasil”, na figura do animal e no numeral.
  Fonte: Juína News
Marcadores:

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.