Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT


O Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea) divulgou, ontem, um alerta aos pecuaristas em relação aos índices pluviométricos no Estado. Ressaltando que “as chuvas são o principal fator que viabiliza a formação, renovação e desenvolvimento das pastagens nas propriedades rurais e a sua ocorrência é sempre esperada pelos produtores”, o instituto aponta que a pluviosidade está sendo inferior aos anos anteriores em algumas regiões.
O gráfico elaborado pelo instituto aponta a ocorrência de chuvas nos últimos dois meses em cidades mato-grossenses. “Destaca-se que em algumas delas a pluviosidade é bem inferior à do mesmo período de 2016, como em Canarana (- 66,25%) e Diamantino (- 41,60%)”. Em regiões de municípios como Sinop e Itaúba houve aumento no índice. Na região de Brasnorte se manteve estável.
Para o instituto, estes números de 2017 são preocupantes aos pecuaristas, pois podem significar atraso na entrega de animais futuramente, devido às pastagens não estarem 100% aptas para receber os animais. “Além desta preocupação, a escassez de chuva agora pode acarretar o encurtamento da janela de semeadura do milho segunda safra (principal fonte de suplementação animal), podendo trazer menor produção e até mesmo alta nos preços do grão. Diante disto, o período de chuvas que se inicia já traz alertas para os pecuaristas”.

Só Notícias/Agronotícias (foto: divulgação)
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.