Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Pai e filho foram presos com quatro armas de fogo e munições, na manhã desta quinta-feira (22), no município de Peixoto de Azevedo (691 km de Cuiabá-MT), durante ação da Polícia Judiciária Civil e a Polícia Militar, de cumprimento de mandado de busca e apreensão domiciliar. Três espingardas e uma pistola foram encontradas com Adair dos Santos, 47, conhecido como “Gaúcho”, e Edeir Lucas dos Santos, 19, popular “Polaco”. Os dois  foram autuados em flagrante pelo crime de posse ilegal de armas de fogo e munições de uso permitido e proibido.
Denúncia de uma residência, no bairro Nova Esperança, que estaria escondendo e  comercializando armas de fogo para prática de roubos, chegou a Polícia Civil. Conforme relatos de várias vítimas, as ações criminosas eram praticadas por duas pessoas com espingardas e pistola. Os investigadores de polícia realizaram diligências no endereço, levantando provas que constataram os fatos.
Com base nos indícios, a Polícia Civil representou pelo mandado de busca e apreensão domiciliar no imóvel, deferido pela 2ª Vara de Feitos Gerais da Comarca de Peixoto de Azevedo. No local foram apreendidas três armas de cano longo, uma pistola, munições, além da quantia em dinheiro de mais de R$ 1 mil, relógios, correntes, coldres, faca, punhal, canivete, entre outros objetos.
Ambos suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Polícia, interrogados e autuados em flagrante delito. O jovem Edeir Lucas já foi detido quando menor de idade por ato infracional análogo a homicídio. Seu pai, Adair, tem passagem criminal por envolvimento com roubo.
Participaram da ação, policiais civis do Grupo Armado de Resposta Rápida (GARRA) e policiais militares da Força Tática.
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.