Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Polícia Civil prende 2 e recupera carga de sêmen bovino avaliada em mais de R$ 1 milhão
O autor do furto e o receptador de uma carga de sêmen bovino, avaliada em aproximadamente R$ 1,2 milhão, foram presos pela Polícia Judiciária Civil, durante operação deflagrada, nesta quinta-feira (16), pela Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) de Cuiabá. A operação denominada "Progênie" levou a prisão, Odair Xavier de Almeida, 28, e Luiz Felipe Bruno da Silva, 24, além de recuperar o material furtado.
O suspeito, Odair Xavier de Almeida, teve a ordem de prisão decretada após ser identificado em investigações da delegacia como autor do furto. Com a prisão do suspeito, foi possível chegar a Luiz Felipe Bruno da Silva, acusado de receptar os produtos.
O furto qualificado aconteceu na madrugada de 06 de novembro, no escritório da empresa Progênie Planejamento Rural, no bairro Cidade Verde em Cuiabá. Para realizar o furto, foram arrombadas 3 portas, de onde foram subtraídos diversos botijões carregados de sêmen bovino, avaliado em R$ 1.195.600,00, além de outros bens como móveis e aparelhos eletrônicos do escritório.
Assim que foi notificada do roubo, a equipe da Derf deu início as investigações com apoio do Núcleo de Inteligência da delegacia, conseguindo identificar o suspeito Odair como autor do furto. Com base nos levantamentos, o delegado Fabiano Pitoscia representou pelo mandado de prisão temporária contra o acusado, o qual foi deferido pela Justiça.
A ordem de prisão foi cumprida nesta quinta-feira (16.11), no bairro Cidade Verde, pela equipe operacional da Derf. O suspeito foi conduzido a delegacia e em interrogatório indicou o local onde estava escondido o material furtado. Imediatamente, os policiais deram continuidade as diligências conseguindo localizar, na casa de Felipe, no bairro Santa Isabel, 17 botijões de sêmen, além de três sofás e aparelhos eletrônicos, furtados do escritório.
O receptador também foi levado a Derf, onde após ser interrogado, pelo delegado Fabiano Pitoscia foi autuado em flagrante por receptação.
“Foi um grande trabalho, em que instauramos o procedimento investigativo e conseguimos identificar não somente um dos autores do furto, que teve a prisão cumprida, como também prender o receptador e recuperar o material furtado, que é de alto valor”, destacou o delegado.
Participaram das diligências, investigadores, escrivães e o Núcleo de Inteligência da Derf, coordenados pelos delegados Fabiano Pitoscia e Caio Fernando Alvares de Albuquerque.
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.