Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

A diretoria do Flamengo dá os primeiros para a formatação do elenco em 2018. No último sábado (16), o departamento de futebol se reuniu para traçar diretrizes da próxima temporada. Algumas questões estão em análise, mas jogadores como o goleiro Alex Muralha e o meia argentino Federico Mancuello estão mesmo fora dos planos da comissão técnica.
Depois do retorno de Conca ao chinês Shanghai SIPG, a dupla lidera a lista de saídas e depende dos respectivos empresários para conhecer o novo clube. Uriel Pérez, representante de Mancuello, realiza contatos para a transferência.

Alex Muralha não tem mais clima para jogar no Flamengo. E destino pode ser o Japão
O compromisso do argentino com o Rubro-negro vai até janeiro de 2020. Mancuello custou R$ 12 milhões, mas jamais rendeu o esperado na Gávea. O empresário já foi avisado da decisão e busca um clube para o jogador. O México é uma possibilidade, assim como o retorno ao futebol argentino. O Independiente, ex-clube do atleta e campeão da Copa Sul-Americana, tem interesse.
Mancuello é considerado uma das principais frentes de negociação definitiva no elenco, mas também é visto como importante moeda de troca. Se for vendido, o Flamengo quer recuperar a maior parte do investimento frustrado no jogador.
Já a situação envolvendo Alex Muralha se encaminha para o futebol japonês. O empresário Alexandre Aki possui excelente trânsito nos clubes do país e já ouviu propostas de dois interessados.
O contrato de Muralha com o Flamengo vai até 31 de dezembro de 2020. No entanto, não há mais clima para o goleiro continuar na Gávea depois das péssimas atuações, falhas e críticas da torcida. O empréstimo é uma alternativa, embora o plano da diretoria rubro-negra esteja em uma negociação definitiva.
A expectativa também está por conta dos futuros de Rafael Vaz, Márcio Araújo, Gabriel e outros atletas que viveram uma temporada delicada e são renegados pelos torcedores. As próximas semanas serão decisivas para o futuro do Flamengo e a montagem do elenco.
Fonte: Vinicius Castro Do UOL, no Rio de Janeiro.
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.