Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Um vídeo gravado dentro da Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá, mostra detentos fazendo churrasco ao som de sertanejo. A Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos (Sejudh) confirmou que o vídeo, que circula nas redes sociais, foi gravado na unidade prisional. O órgão informou ainda que está identificando os presos que aparecem nas imagens.
No vídeo, os presos aparecem fora das celas e comem churrasco feito num aparelho elétrico e exibem garrafas com bebidas alcoólicas.Pelo menos 13 detentos participam da confraternização e aparecem nas imagens gravadas no raio 4.
 A Sejudh alega que o vídeo não foi gravado durante o período de Natal, uma vez que produtos ilícitos como bebida, entorpecentes e celulares foram retirados após revista nas celas.
Nas imagens, um dos presos aparece preparando a carne servida. Ao som de música sertaneja, os outros detentos estão sentados consumindo bebidas alcoólicas e se alimentando. Não é possível detectar de onde a música é reproduzida. Ainda no vídeo é possível perceber que os detentos têm acesso a ventiladores e cabos de extensão.
De acordo com a Sejudh, o vídeo foi entregue ao serviço de Inteligência do Sistema Penitenciário. Um Procedimento Disciplinar Interno deve ser aberto contra os detentos.
Túnel descoberto
Na quinta-feira (28), um túnel que levaria à Penitenciária Central do Estado (PCE), no Bairro Pascoal Ramos, em Cuiabá, foi descoberto por policiais. O túnel foi construído em uma casa que fica ao lado da PCE. De acordo com a Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO), da Polícia Civil, o túnel foi encontrado depois de uma denúncia anônima. Ninguém foi preso.

O túnel tinha profundidade de aproximadamente 2,5 metros e cerca de quatro metros de comprimento, da casa até a Penitenciária Central.
Fonte: G1/MT

Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.