Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

A Polícia Militar de Brasnorte prendeu mais dois traficantes, na manhã desta quinta-feira (22) no Bairro Parque das Nações.As prisões e continuidade da operação realizada ontem.

Na diligencia de hoje por volta 7:30 horas, em abordagem ao suspeito  Dinomar Ribeiro (38) vulgo Nego, ao ser interrogado pela PM, o mesmo declarou que estava realizando o comércio de entorpecentes e que teria vendido 04 pedras de substância análoga a pasta base de cocaína ao um dos suspeitos preso na operação de ontem pela Polícia Militar.

Questionado sobre o local onde ele haveria adquirido o entorpecente que ele estaria vendendo, Dinomar disse tinha comprado de um rapaz, identificado apenas por PEBA, onde o mesmo trabalhava em uma madeireira do município de Brasnorte.

Ao chegar na madeireira a PM, identificou Juvanildo de Pinho Rossim (29) Vulgo PEBA em conversa com o mesmo, ele relatou que estava realizando comercio de entorpecente e que tinha uma quantidade de maconha escondida em rua residência.

Então a guarnição da PM acompanhado do suspeito foi até a residência do mesmo, e no local foram encontrado uma grande quantidade de maconha dentro do lixeiro da cozinha, continuando a busca domiciliar foram encontrados R$ 415 em moeda nacional, além de anotações do fluxo de caixa oriundo do trafico, além de vários cheques em seu nome e vários objetos sem procedência comprovada, e diversos documentos de veículos.

Em entrevista a Band Fm de Brasnorte, o Soldado PM Batista Junior mencionou que a operação deve continuar e pediu o apoio da população que continue ajudando a policia através de denúncia anônima.

Após a confecção do B.O. os dois suspeitos e os objetos foram encaminhados á Delegacia de Polícia Civil. 

Fonte: Lino Barreto  / Center News
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.