Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT


Pelo jogo de ida da terceira fase da Copa do Brasil, o Internacional recebeu o Cianorte no Estádio do Beira-Rio e venceu por 2 a 0. O Colorado foi superior durante toda a partida, mas os gols só saíram na segunda etapa. Iago, além de abrir o placar para a equipe da casa, teve boa atuação e foi um dos destaques do duelo, que foi marcado ainda pela alta quantidade de cartões amarelos – 11.
Assim, o time gaúcho abre boa vantagem para o jogo de volta, que acontece no dia 14 de março, no Estádio Albino Turbay – lembrando que nesta edição do torneio o gol fora de casa não conta como vantagem e os confrontos na próxima fase serão definidos por sorteio.
O jogo começou movimentado, com o Inter tendo a primeira chance logo aos dois minutos. D’Alessandro cobrou escanteio na cabeça de Klaus, a bola passou por João Gabriel, mas Arroyo tirou em cima da linha. Aos seis minutos, o Cianorte respondeu. Após falha de Klaus e Cuesta, Murilo recebeu na área e solta uma bomba, mas Marcelo Lomba estava lá e fez grande defesa.
Aos poucos, o Inter foi ganhando o domínio do jogo. Com 16 jogados, Iago encontrou Roger dentro da área, que tocou na saída de João Gabriel, mas acabou errando o alvo. O time da casa insistia, mas a bola não entrava.
Aos 19, Patrick recebeu dentro da área e chutou, mas João Gabriel fez grande defesa. Na sequência, Feliphe Gabriel tirou. Com o cronômetro marcando 26 minutos, mais uma oportunidade desperdiçada pelo colorado. D’Alessandro cobrou fala e carimbou o travessão.
As equipes seguiram trocando passes, mas sem incomodar o adversário. Apenas aos 43 minutos o Inter voltou a levar perigo, quando D’Alessandro cobrou falta fechada, João Gabriel passou da bola, e Roger tentou alcançá-la, mas não conseguiu.
O Inter voltou intenso para a segunda etapa e o comportamento deu resultado. Após pressionar o Cianorte, aos sete minutos, Iago abriu o placar o time gaúcho. Marcinho cruzou, a bola passou por Patrick, mas Iago estava lá. O lateral-esquerdo chutou, a bola desviou em Gerônimo e entrou, sem chances para o goleiro João Gabriel.
Dez minutos depois, quase o Inter ampliou. João Gabriel soltou a bola após cruzamento rasteiro. Cuesta até tentou completar, mas bateu fraco.
Aos 22, porém, o Colorado não perdoou. Após bela troca de passes, Iago cruzou para Edenílson, que chutou de pé canhoto no contrapé do goleiro para aumentar a diferença no marcador. Com a vantagem no placar, o time da casa passou a administrar o resultado, trocando passes e fazendo o tempo passar. Os jogadores do Cianorte, por sua vez, sentiam a parte física.
Aos 38, quase o terceiro do Inter. Após cruzamento da direita, Patrick cabeceou com perigo, encobrindo o goleiro, mas a bola acabou indo para fora e o placar ficou mesmo nos 2 a 0.
Fonte: Gazeta Esportiva (foto: divulgação/arquivo)
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.