Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

O deputado estadual Oscar Bezerra já faz parte dos quadros do PV, desde ontem (5), e será candidato à reeleição. Sua ficha já estava pronta e foi finalizada em Juara, onde possui base eleitoral. “Aos poucos vamos trazer nosso grupo de prefeitos e vereadores”, disse o parlamentar ao .
Oscar, que é madeireiro e sojicultor, ingressa no partido que tem por ideologia causas em defesa ao meio ambiente. A esposa do deputado, a prefeita afastada de Juara, Luciane Bezerra, que é produtora agropecuária, também deve ingressar na sigla, mas ainda não há uma data definida.
O deputado, que deixou o PSB, fazia parte da base do governador Pedro Taques (PSDB), mas, após divergências passou a integrar o bloco dos independentes. No entanto, em âmbito nacional, há expectativa do PV seguir com o pré-candidato à Presidência da República Geraldo Alkmin (PSDB), o que poderia “obrigar” uma aliança com governador mato-grossense.
Para o parlamentar, não há problema se a dobradinha nacional se refletir em Mato Grosso. “Vamos seguir a orientação partidária. Não tem problema em seguir com governo”, sustenta. Apesar dessa particulação, em Mato Grosso, o partido tem dialogado com o pré-candidato ao governo, senador Wellington Fagundes (PR, que, por enquanto, é o principal adversário de Taques à reeleição.
Proporcionais
Além de Oscar, os vereadores por Cuiabá do PV Mário Nadaf e Marcos Veloso devem concorrer a deputado estadual. O partido trabalha para conseguir 130 mil votos, o que elegeriam de dois a três parlamentares. Já na disputa à Câmara Federal, o vereador por Cuiabá Felipe Wellaton é o mais cotado.
Fonte: RD NEWS/ Tarso Nunes
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.