Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Foto: Divulgação PM
A Polícia Judiciária Civil de Juína está investigando se um homem ateou fogo no veículo de sua ex-mulher. O fato aconteceu por volta das 22h da última sexta-feira, dia 30/03, no Bairro Palmiteira.
De acordo com as informações, quando a guarnição da PM chegou no local encontrou o carro em chamas, que por pouco não atingiram uma residência ao lado. Os bombeiros foram acionados e fizeram o controle do fogo no veículo.
A proprietária da casa disse aos policiais, que o veículo queimado tinha sido emprestado para seu filho e que o principal suspeito do incêndio seria seu ex-marido. A polícia obteve êxito em localizar o suspeito, identificado como Jakson Saar, que teria fugido.
Inicialmente ele negou que teria ateado fogo no carro de sua ex-mulher, mas a polícia acabou encontrando um molho de chaves contendo a chave carro no local do fato, o que fez com que o mesmo assumisse o crime.
Ele disse que praticou o ato criminoso por ter sido ameaçado pelo filho de sua ex-mulher.
Em checagem via CIOSP WEB foi constatado um mandado de prisão em aberto em desfavor do suspeito, que foi preso e conduzido a delegacia.
Fonte: Juína News
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.