Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Próximo compromisso do Santos será em Mato Grosso, pela Copa do Brasil
Dois tempos bem distintos e um resultado positivo. Esse pode ser um resumo rápido da vitória por 3 a 1 do Santos sobre o Paraná neste domingo, na Vila Belmiro. Depois de um primeiro tempo que deixou a desejar, os comandados de Jair Ventura tiveram grande atuação nos 45 minutos finais e, em dia inspirado de Gabigol, autor de dois gols, conquistaram mais um triunfo no Campeonato Brasileiro.
As vaias no fim do primeiro tempo puderam dizer muito a respeito dos 45 minutos iniciais do Santos. Sonolento, o time de Jair Ventura pouco criou ofensivamente, apesar da movimentação constante dos jogadores da frente. Errando muitos passe, a alternativa se tornou os lançamentos, que consagraram a defesa do Paraná. O time de Micale, por sinal, foi quem esteve mais perto de abrir o placar, com duas finalizações nos minutos finais.
O segundo tempo começou com o Santos disposto a apagar a má imagem do tempo inicial e logo no primeiro minuto Rodrygo fez questão de deixar a situação mais tranquila marcando seu primeiro tento na Vila Belmiro. O jovem “raio” aproveitou o desviou de Sasha para abrir o placar. A partir de então, brilhou a estrela de Gabigol. O camisa 10 marcou nos dois gols seguintes e se consagrou como “o cara” da noite. Silvinho ainda marcou o gol de honra.
Na próxima rodada, o Peixe faz o clássico San-São com o São Paulo. A partida acontece no próximo domingo, às 16h (de Brasília), no Morumbi. Antes disso, no meio de semana, Jair Ventura e seus comandados tentam confirmar a vantagem de 5 a 1 construída contra o Luverdense para avançar na Copa do Brasil.
FICHA TÉCNICA
SANTOS 3 X 1 PARANÁ
Local: Vila Belmiro, em Santos
Data: 13 de maio de 2018
Horário: 19h (de Brasília)
Árbitro: Wagner Reway (MT)
Assistentes: Alessandro Alvaro Rocha de Matos (BA) e Eduardo Gonçalves da Cruz (MS)
Público: 3971 pessoas
Renda: Renda: R$ 140.110,00
GOL:
SANTOS: Rodrygo (1º minuto 2T), Gabigol (13 minutos 2T)
CARTÕES AMARELOS:
PARANÁ: 
Torito Gonzáles (35 minutos 1T), Vitor Feijão (41 minutos 2T)
SANTOS: Gabriel (8 minutos 2T)
SANTOS: Vanderlei, Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Dodô; Alison (Vecchio), Jean Mota e Vitor Bueno (Diego Pituca); Eduardo Sasha, Rodrygo (Arthur Gomes) e Gabriel
Técnico: Jair Ventura
PARANÁ: David; Alemão, Jesiel, Rayan e Igor (Júnior); Wesley Dias, Torito Gonzáles (Alex Santana) e Caio Henrique; Léo Itaperuna (Vitor Feijão), Silvinho e Carlos
Técnico: Rogerio Micale
Fonte: 24 Horas News/Gazeta Esportiva 
Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.