Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Um aluno foi detido nesta terça-feira (12) depois de um soco no rosto de um professor da Escola Estadual Raimundo Pinheiro da Silva, que fica no Bairro Shangri-lá, em Cuiabá ao ser flagrado jogando baralho na sala de aula.
Em nota, a Secretaria Estadual de Educação (Seduc-MT) lamentou o ocorrido e afirmou que todos os procedimentos necessários foram adotados, em concordância com o regimento interno da escola. O adolescente, que não teve a identidade divulgada, foi levado para uma cela especial, enquanto aguardava a presença dos pais e do Conselho Tutelar.
O professor, que preferiu não se identificar, contou que o aluno havia sido retirado da sala depois de ser surpreendido com o jogo de cartas. Ele foi levado para a coordenação da unidade e ao voltar ameaçou o professor, segundo a vítima.  Diante da ameaça, o professor afirmou que comunicaria a polícia. Neste momento, o aluno tentou agredir a vítima, mas foi impedido pelos outros estudantes.
“Em seguida, saí da sala e ele veio atrás de mim, os outros alunos tentaram segurá-lo mais uma vez, só que não conseguiram. Daí eu fui agredido com um soco no rosto”, contou.
Ainda segundo a Seduc, a gestão da escola tomou a decisão, em último recurso de promover a transferência do mesmo para outra unidade da rede. Para o professor a sensação é de insegurança. “O estado cobra uma postura, mas não nos dá segurança. Nos sentimos ameaçados. Não podemos dizer não para um aluno diante dessas ameaças”, disse.
Segundo a Polícia Militar, esse não é um caso isolado. Nos últimos 10 dias, 3 ocorrências de agressões contra professores foram registrados em Cuiabá.
Fonte:G1MT
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.