Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

O Grêmio venceu nesta terça-feira o Estudiantes por 2 a 1 na Arena e conseguiu classificação para as quartas de final da Libertadores ao derrotar os argentinos por 5 a 3. Numa partida bastante complicada e nervosa, os mandantes saíram na frente com gol de Everton. Logo em seguida os argentinos chegaram a igualdade com Lucas Rodríguez. Depois com muito sofrimento e quando se encaminhava para uma eliminação, Alisson fez nos acréscimos e levou a decisão para as penalidades.
Na disputa dos pênaltis converteram para os gaúchos Maicon, Everton, Jael, Alisson e André. Para os argentinos fizeram Lucas Rodríguez, Noguera e Lugüercio, porém Campi chutou por cima do gol. O goleiro Marcelo Grohe atingiu hoje a marca de 400 jogos com a camiseta gremista.
Agora na próxima fase o Tricolor Gaúcho pega o Atlético Tucumán, da Argentina.Os confrontos devem acontecer no mês se setembro. Pelo Brasileirão o Grêmio enfrenta no sábado o Botafogo, às 16h(de Brasília), na Arena.
Empurrado pela sua torcida, os donos da casa vão para cima em busca do primeiro gol. Já os visitantes tentam tirar a velocidade do jogo. Numa grande jogada feita pelo meio-campo, o Tricolor Gaúcho chegou abertura do placar. Aos 05, Maicon tocou para Jael, que lançou Everton. O atacante deixou a bola quicar e, ao perceber a posição de Andujar, encobriu o goleiro do Estudiantes.
Mas o time argentino não demorou muito para chegar a igualdade. Aos 08, Geromel chegou com o pé fraco e perdeu para Lucas Rodríguez. O camisa 9 avançou com a bola e chutou. Grohe ainda tocou nela, mas não impediu que morra no fundo das redes. Com mais posse de bola, a equipe gremista tentou encontrar espaços na defesa do Estudiantes.
A forte marcação dos argentinos que atuam com uma linha de cinco complicam as penetrações do ataque da equipe gaúcha. Mais uma vez, os mandantes pegam um time fechado e tem dificuldades de furar um bloqueio defensivo. Não conseguindo realizar jogadas de infiltração, o Grêmio começou a insistir em bolas aéreas.
Finalmente os comandados de Renato Portaluppi conseguiram assustar a meta do gol argentino. Aos 40, Geromel cabeceou torto. A bola passou por Andújar, mas sobrou para Luan que, sem ângulo, obrigou o goleiro do Estudiantes a fazer grande defesa.
Um resumo desse primeiro tempo, o Grêmio começou melhor e abriu o marcador. Entretanto, uma falha de Geromel e Jaílson determinou que o Estudiantes chegasse ao empate. Na sequência, a equipe gremista tentou através de passes laterais, penetrar na área do adversário, mas não teve sucesso na empreitada.
Para ter mais agressividade do meio pra frente, o técnico Renato Portaluppi sacou o volante Ramiro e fez entrar o meia Alisson.
O cenário no segundo tempo se repete da etapa inicial, o time gremista seguiu com mais posse de bola, mas sem nenhuma profundidade e objetividade. Por sua vez, o Estudiantes se defendeu bem e tentou especular alguma jogada de contra-ataque.
Não conseguindo entrar na área, o Tricolor Gaúcho procurou arriscar chutes de longe. Aos 12, Jaílson recebeu em frente à área, dominou e chuta. A bola faz uma curva, mas Andújar operou um milagre na Arena. Dois minutos depois, Jael cobrou falta, a bola desviou na barreira e tirou tinta do travessão de Andújar.
Apesar da insistência ofensiva, o Grêmio objetivamente seguiu esbarrando na marcação dos visitantes e na boa atuação de Andujar. Com a entrada de André e a saída de Léo Moura, a equipe gremista ganhou mais rapidez. Aos 26, André cruzou para Jaílson. O volante caiu, mas a bola chegou a Jael. O centroavante chutou, a bola desviou no zagueiro e acertou o poste.
Em sua última cartada, Renato tirou o volante Jaílson e fez entrar o atacante Pepê. Aos 36, Alisson cobrou escanteio na cabeça de Geromel, mas Campi tirou. A bola não entrou. Os visitantes em nenhum momento assustaram o gol de Marcelo Grohe. Apelando para o desespero, o Tricolor Gaúcho se soltou para frente na busca do segundo gol. Aos 43, Jael bateu a falta por baixo, mas a bola desviou em Kannemann e saiu.
De tanto martelar, a equipe gremista atingiu o seu objetivo e marcou o tento que levou a partida para a decisão da vaga nas penalidades. Aos 47, Luan cobrou falta na cabeça de Alisson. A bola bateu no travessão e foi para o fundo das redes.
Gazeta Esportiva (foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA/arquivo)

Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.