Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

A Uefa realizou evento nesta quinta-feira e anunciou o país que sediou a Copa do Mundo de 2006 como sede da competição continental de 2024


A única concorrente era a Turquia, mas fatores extracampo provavelmente pesaram na escolha da entidade que rege o futebol europeu. O desrespeito com os direitos humanos e a atual situação política e econômica do país, que viu sua moeda se desvalorizar após sanções dos Estados Unidos, pode ter influenciado na decisão da Uefa sobre a Eurocopa 2024.
Além do que a qualidade dos estádios alemães – reformados para a Copa do Mundo de 2006 - e a infraestrutura das cidades do país são melhores em comparação com as dos turcos. A Alemanha não organiza a Eurocopa desde 1988. Nesta edição, a disputa tinha apenas oito seleções e foi vencida pela Holanda.
O ex-capitão da seleção alemã, Philipp Lahm estava presente no evento e falou sobre a escolha “Estou muito orgulhoso de todos aqueles que trabalharam para a campanha da Euro. Queremos celebrar uma grande festa com todos”, comentou.
Leia também: 
Atual treinador da seleção e campeão mundial em 2014, Joachim Low, também deixou sua mensagem. “Tal torneio é algo extraordinário para um país e pode desencadear uma enorme motivação entre os jovens jogadores. É um bom passo para os próximos anos. Todos na Associação podem agora planejar com antecedência”, ressaltou.
As cidades-sede na Alemanha serão Berlim, Munique, Dusseldorf, Sttutgart, Colonia, Hamburgo, Leipzig, Dortmund, Gelsenkirchen e Frankfurt. Veja abaixo os estádios que serão utilizados para a disputa da Eurocopa e sua capacidade:
Leia também: 
Em 2016, o número de seleções que participaram da Eurocopa na França foi de 24. A próxima Europa, de 2020, será realizada em 12 cidades diferentes espalhadas pelo continente: Londres, Munique, Roma, Baku, São Petersburgo, Bucareste, Amsterdã, Dublin, Bilbao, Budapeste, Glasgow e Copenhague. O sistema de transportes europeu ajuda na opção de diversos locais como cidades-sede.
Fonte: Ig Esportes
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.