Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Foto: Reprodução
Uma mulher de 60 anos foi assassinada com golpes de facão e teve a cabeça decepada supostamente pelo marido dela, Vagner Pereira Alves, de 25 anos, no sábado (15), em Tabaporã, a 643 km de Cuiabá. O suspeito foi preso no domingo (16).
Conforme o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Civil, Vagner teria matado Maria Paulina de Mendonça, arrancado a cabeça dela e a colocado em uma sacola.
Em seguida, ele foi até a casa do irmão dele e confessou que havia matado a companheira e que a cabeça dela estava na sacola, segundo a Polícia Civil.
Os policiais encontraram o corpo de Maria Paulina no quarto da casa em que morava, no Bairro Morada do Sol. A cabeça, porém, não havia sido localizada.
Dentro da casa e no quintal havia muito sangue.
Os policiais relataram que seguiram um rastro de sangue na rua por cerca de 400 metros, no caminho da casa do irmão do suspeito.
O irmão dele disse à polícia que Vagner realmente havia dito que tinha matado a companheira na noite anterior e que estava com a cabeça dela na sacola, mas que ele não havia acreditado.
Cerca de 50 metros após a casa do irmão do suspeito, a polícia localizou uma sacola azul jogada na calçada. Ao abrirem, encontraram a cabeça de Maria Paulina.
O irmão do suspeito foi levado para a delegacia e, em seguida, Vagner foi visto por policiais na rua.
Ele tentou fugir e foi preso e levado para a delegacia.
Uma equipe da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) esteve no local e encaminhou o corpo ao Instituto Médico Legal (IML).
A Polícia Civil investiga o crime.

FLÁVIA BORGES 
G1-MT
Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.