Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

O presidente da Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja), Antônio Galvan considerou, em entrevista, ao Só Notícias, que é positiva e “muito bem-vinda” uma possível fusão entre os ministérios da Agricultura e do Meio Ambiente, no governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). Segundo ele, deve ajudar destravar o setor produtivo. “Tirando as ideologias lá de dentro (dos ministérios) qualquer segmento ou setor terá avanços. Não vai beneficiar apenas os produtores, mas todos. No Brasil, depende-se muito de liberações, mas quase sempre são travadas pelo Meio Ambiente. É um avanço importante e realmente precisa diminuir os ministérios. É necessário ter as duas pastas, mas sem travar os setores”, analisou Galvan.
Ainda de acordo com o presidente da Aprosoja, o ministério do Meio Ambiente tem que se tornar uma secretaria especial do ministério da Agricultura. “Assim torna as coisas mais práticas. Também tem que tirar a ideologia de quem está lá dentro. Tem que trabalhar e produzir. Não se pode mais fazer com que o Brasil pare por falta de uma licença de uma obra pública ou investimentos privados. Estando juntos (os ministérios) vai ter mais agilidade”.
Antônio Galvan não acredita em conflitos entre os dos ministérios. “Cada um tem que cuidar da sua parte, mas fazer com se cumpra as ações. Não se pode usar de uma ideologia para ficar negando direitos que estão na lei. É isso que existe no Meio Ambiente. Encheram de Ongs, ideologistas e isso não pode acontecer. Eles precisam ser rápidos. Essa morosidade tem prejudicado o crescimento do país”, cobrou.
A fusão entre os ministérios Agricultura e Meio Ambiente foi apontada, nesta 4ª, pelo futuro ministro da Casa Civil do governo de Jair Bolsonaro (PSL), Onyx Lorenzoni (DEM-RS). Outra fusão será dos ministérios da Fazenda, Planejamento e Indústria- Comércio. O superministério já havia sido anunciado durante a campanha do presidente eleito. No entanto, Bolsonaro cogitou recuar e manter as pastas separadas, mas prevaleceu a ideia inicial, ontem.
Fonte: Só Notícias/Cleber Romero (foto: Só Notícias/arquivo)
Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.