Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Chico 2000 se indignou após crítica do oposicionista Diego Guimarães.
As discussões na Câmara de Cuiabá voltaram a expor o baixo nível dos parlamentares nesta quinta-feira. Desta vez, a disputa verbal foi entre os vereadores Chico 2000 (PR) e Diego Guimarães motivada pelo pedido de autorização de empréstimo internacional feito pelo prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) de US$ 110 milhões para obras de infraestrutura.
Oposicionista, o vereador Diego fez um parecer contrário a autorização alegando que o projeto contraria a Lei de Responsabilidade Fiscal. O pepista aproveitou a situação e qualificou Chico 2000, que é da base de situalção, como "cão perdigueiro" do prefeito Emanuel Pinheiro.
Indignado com a "cutucada", Chico 2000 reagiu duramente insinuando sobre a sexualidade de Diego. "Comentei de forma respeitosa o parecer do competente vereador. Ele não compreendeu assim e chegou ao ponto de tentar me ofender me chamando de cão de guarda do prefeito e cachorro perdigueiro. Gostaria de dizer ao vereador que eu conseguiria no máximo ser um pincher, mas prefiro ser cachorro perdigueiro, cão de guarda, do que ser veado", disparou.
Apesar da discussão quente, a autorização para empréstimo acabou sendo aprovada. Foram 17 parlamentares favoráveis e apenas cinco contra.



Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.