Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Apesar do prazo estipulado pelo Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN) para a implantação das novas placas veiculares, no modelo Mercosul, terminar neste sábado (01.12), Mato Grosso e outros 12 Estados poderão cumprir a determinação até o dia 31 de dezembro deste ano.
A prorrogação foi estabelecida em reunião na manhã de sexta-feira no CONTRAN, que definiu alterações na Resolução nº 729 de 2018, que estabelece o sistema de Placas de Identificação de Veículos padrão Mercosul. 
Além de Mato Grosso, também foram beneficiados com a prorrogação os Estados do Amapá, Ceará, Distrito Federal, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Roraima, Tocantins, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe. 
Apesar de todas as responsabilidades atribuídas ao Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso (DETRAN-MT) terem sido cumpridas, o projeto não havia sido concluído.
A resolução prevê que todos os Fabricantes de Placas de Identificação Veicular e as Empresas Estampadoras de Placas de Identificação Veicular sejam credenciados junto ao Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN) o que, no Estado, até o momento não aconteceu. 
Segundo o presidente do DETRAN-MT, José Eudes Malhado, o projeto “realmente representa um avanço na área de registro e identificação de veículos com perspectiva de evolução em ações de segurança pública. O Detran entende a importância, mas implementará quando da confirmação da disponibilidade e segurança na prestação do serviço a todo o cidadão mato-grossense”.
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.