Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

A deficiência de vitamina A é considerada uma das mais importantes deficiências nutricionais dos países em desenvolvimento e afeta milhões de crianças em todo o mundo. Os bebês e crianças têm maior necessidade de vitamina A para compensar seu rápido crescimento e ajudá-los a combater infecções.
No Brasil, o Programa Nacional de Suplementação de Vitamina A foi instituído por meio da Portaria nº 729, de 13 de maio de 2005, cujo objetivo é reduzir e controlar a deficiência nutricional de vitamina A em crianças de 6 a 59 meses de idade.
No Brasil, a deficiência de vitamina A é um problema de saúde pública moderado. Níveis adequados de vitamina A garante impacto positivo no desenvolvimento infantil reduzindo índices de mortalidade. A Organização Mundial da Saúde recomenda a administração de suplementos de vitamina A para prevenir a carência, a xeroftalmia e a cegueira de origem nutricional em crianças de 6 a 59 meses.
Ressaltamos que a suplementação profilática de vitamina A deve fazer parte de um conjunto de estratégias para melhoria da ingestão desse nutriente, portanto associado à diversificação da alimentação (alimentação saudável).
ACOMPANHAMENTO:
Crianças de 06 até 11 meses – Megadose de 100.000 UI0
Crianças de 12 até 59 meses – Megadose de 200.000 UI0
A VITAMINA A É OFERTADA GRATUITAMENTE PELO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE (SUS)
Mediante a todos estes benefícios reforçamos sobre a importância dos pais e responsáveis de crianças nesta faixa etária estarem se direcionando as Unidades Básicas de Saúde (Salas de Vacina), para verificação da situação do cartão vacinal (onde é registrada a administração da vitamina A) e tire todas as suas dúvidas, prevenção é sempre o melhor remédio. 
Texto: Rayane Kelen Dornelas CRF/MT 4830
Fonte: http://dab.saude.gov.br/portaldab/ape_vitamina_a.php


Marcadores: ,

Postar um comentário

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.