Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Aproximadamente 15 mil pessoas participaram da corrida, entre profissionais e amadores. Mais de R$ 25 mil são distribuídos entre ganhadores da categoria especial, faixa etária e atletas que ficaram de 2ª a 5ª colocação na categoria geral.

Mais uma vez o continente africano fez a festa na Corrida de Reis, promovida pela TV Centro America, em Cuiabá, que está em sua 35ª edição. No masculino, o domínio foi de Paul Kipkorir Kipkemoi, 37 anos e no feminino a vencedora foi Mestawut Fikir Truneh.
A corrida, disputada na manhã deste domingo, pelas principais ruas e avenidas de Cuiabá, teve dez quilômetros e o vencedor precisou apenas de 30 minutos e seis segundos para cruzar a linha de chegada. O ganhadores levam para casa um carro zero quilômetro cada um.
Aproximadamente 15 mil pessoas participaram da corrida, entre profissionais e amadores. Mais de R$ 25 mil são distribuídos entre ganhadores da categoria especial, faixa etária e atletas que ficaram de 2ª a 5ª colocação na categoria geral.
Paul Kipkorir Kipkemoi, vencedor da categoria masculina, ficou em 3º lugar na Corrida de Reis em 2018, e em 6º na Corrida de São Silvestre. Neste ano, ficou em segundo lugar Emanuel Gisamoda, da Tanzânia, e em terceiro, Nicolas Kiptoo Kosegi, também do Quênia.

Na categoria feminina, Esther Chesang Kakuri, do Quênia, ficou em 2º lugar, e a também queniana Janet Cheruto Masai, em 3º lugar.

Manoel Alves Leite, 42 anos, de Alto Paraguai (MT), cruzou a linha de chegada aos 38 minutos e 55 segundos de prova e venceu na categoria PcD (Pessoas com Deficiência). Ele possui deficiência visual.

Fonte:24 Horas News 
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.