Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

reprodução
reprodução

As redes sociais têm se tornado uma grande ponte de intermediações de informações e conhecimentos a sociedade, onde através delas, pessoas interagem, trocam idéias e opiniões, mas também há pessoas que usam redes sociais para fazer desabafos e até ofensas a pessoas e grupos, como foi o caso de um morador da cidade de Juína, no Mato Grosso, condenado por ofender a honra da polícia em uma página na rede social (Facebook).
O homem usou palavras não convenientes e atacou os policiais de forma geral ao chamá-los de “bandidos” em uma postagem no perfil de outra pessoa que informava sobre uma audiência pública na câmara municipal de vereadores onde a pauta principal era a implantação da escola cívico militar na cidade de Juína.
Em um pequeno trecho, o homem postou a seguinte frase: “Grande coisa é ser militar...se eles não fossem bandidos a criminalidade seria menos, eles apenas combatiam...más fica difícil se os próprios bandidos é a lei e fica esse bando de idiotas ai defendendo militar a pior raça que existe”.
Um grupo de 10 policiais da cidade de Juína se sentiu ofendido e impetraram uma ação na justiça. Na audiência realizada no dia 24 de janeiro presidida pelo juiz direito Fábio Petengill, as partes chegaram a um consenso e o mesmo homem que chamou os policiais de bandidos teve que postar uma carta de retratação também nas redes sociais e foi condenado a pagar uma indenização de três salários mínimos aos policiais ofendidos.
O Tenente Coronel Alex comandante do 20º Batalhão da polícia militar de Juína, falou ao Juína News que ficou sabendo das ofensas através das redes sociais, onde após uma análise dos policiais, eles resolveram consultar um advogado e entrar com uma ação particular contra o autor dos comentários, uma vez que nos comentários a liberdade de expressão do acusado, ultrapassou os limites e ofendeu toda uma corporação que vem trabalhando de forma incessante para garantir a segurança da população do noroeste do estado de Mato Grosso, mesmo com um baixo número de efetivos.
Tenente Coronel Alex, ressaltou que a ação pode ter causado surpresa na cidade, até porque sempre existem pessoas que usam as redes sociais para ofender a polícia, e recomendou que as pessoas tenham mais cuidados na hora de se expressarem em redes sociais ou mesmo fora delas, onde geram situações constrangedoras para muitos.
Juína News
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.