Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

ReproduçãoPrefeita de Juruena, (880 km a Noroeste de Cuiabá), Sandra Crozetta (PROS), decretou estado de emergência na última quinta-feira (9) devido às chuvas intensas na região. Alagamentos, estradas interditadas e pontes que rodaram são alguns dos registros que as tempestades provocaram desde dezembro.
 
O Instituto Nacional de Meteorologia (INMET) publicou um alerta amarelo para o município, com chuvas intensas até sábado (11). Corte de energia elétrica, queda de galhos de árvores, alagamentos e descargas elétricas podem acontecer durante o alerta.
 
 Decreto foi publicado no Diário Oficial nesta sexta-feira (10). Na quarta-feira, o Rio Vermelho transbordou e inundou um trecho da BR-174, interditando o local. A pista alagada impediu o transito de veículos entre Juruena e Castanheira (779 km a Noroeste).
 
O trecho alagado da BR-174 fica 25 km de Castanheira e cerca de 75 km de Juruena.
 
Na publicação, a chefe do executivo municipal relatou que o aumento considerável das chuvas ainda fez que muitas pontes rodassem, tornando precária e interrompida a tráfego de veículos nas estradas que cortam o município.
 
“Foram despendidos todos os esforços e ações até a presente data pela Administração Municipal, no sentido de corrigir a situação, e mesmo assim os problemas e as dificuldades persistiram, exaurindo toda a capacidade operativa e financeira do Município”, diz trecho.
 
Para corrigir os prejuízos causados pelos temporais, a prefeita pede a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem, como a Defesa Civil. Ela ainda convoca voluntários e realizações de campanhas de arrecadações.

Fonte: Vitória Lopes/GD
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.