Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Restrições de caminhões na BR-174 prejudicará setor produtivo, diz presidenteO produtor rural e presidente do Sindicato Rural de Juruena (880 quilômetros de Cuiabá), Marcos Antônio Belizário Rodrigues criticou, duramente, em entrevista, ao Só Notícias, a portaria do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), que entrou em vigor ontem, proibido o tráfego de veículos com o Peso Bruto Total Combinado (PBTC) acima de 48,50 toneladas, na rodovia federal, no segmento localizado na região entre Castanheira, Colniza e Juruena.
  “Conversamos com alguns líderes dos setores madeireiro e da agropecuária. Eles têm demonstrado muitas preocupações com a restrição DNIT. É uma determinação um pouco frustrada e que pode inviabilizar nossa região. Cerca de 70% dos produtos são transportados em caminhões bem maiores e que suportam bem mais peso do que as 48,50 toneladas permitidas. É uma situação que deve ser analisada com mais carinho. O DNIT precisa fazer uma fiscalização mais rigorosa das empresas que fazem manutenção dessas obras na rodovia. Com essa restrição, a carne que sai do frigorífico aqui (de Juruena) ficará parada porque o peso líquido e bruto ultrapassam as 50 toneladas”, afirmou Rodrigues.
  De acordo com a assessoria do DNIT, a medida foi necessária, especialmente no período de chuvas, época em que a região é suscetível a alagamentos e comprometimento da trafegabilidade na rodovia. O controle será feito por meio de balança implantada no início do trecho que compreende esses três municípios, localizada no quilômetro 825 da BR-174. Também será realizado controle de restrição de tráfego nos pontos que requerem maior atenção.
  A fiscalização está sendo executada pelos agentes de trânsito do DNIT, com o apoio da Polícia Rodoviária Federal. O DNIT esclareceu ainda que as condições adequadas de trafegabilidade ocorrerão somente após a efetiva construção da rodovia, que não está sob a responsabilidade do governo federal.
Fonte: Só Notícias
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.