Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Durante o ano de 2019, repasses da Saúde foram pagos integralmente em dia; montante é relativo apenas ao exercício do ano corrente.

A Secretaria de Estado de Saúde (SES-MT) encerrou o ano de 2019 com os repasses do atual exercício rigorosamente em dia. Entre janeiro e dezembro do ano passado, aproximadamente, R$ 305 milhões foram destinados aos municípios de Mato Grosso; o montante é relativo exclusivamente à competência do ano vigente, logo, não inclui os valores de restos a pagar.
 
De acordo com o secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, graças ao empenho dos servidores da SES, foi possível o pagamento praticamente imediato de recursos do mês de dezembro. 
 
“A atual gestão repassou os recursos de dezembro durante a vigência do último mês do ano – isto é, não deixamos para pagar em janeiro de 2020. A regularidade da transferência de recursos aos municípios foi preponderante para melhorar a resolutividade da saúde no interior do Estado. Além disso, os Hospitais Regionais estão supridos e estamos com canteiro de obras em praticamente todas as unidades hospitalares geridas pelo Governo do Estado”, avaliou o gestor.
 
Os R$ 305 milhões são provenientes de 13 programas vigentes na Saúde de Mato Grosso. Os programas englobam as seguintes áreas: a Atenção Primária, Regionalização, Farmácia Básica, Média e Alta Complexidades, Hanseníase, Saúde Mental, as Unidades de Pronto Atendimento, Unidades Filantrópicas, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), o serviço de Toracotomia e os Consórcios Intermunicipais. 
 
Além de honrar os compromissos firmados para o ano de 2019 e de investir na infraestrutura das unidades de Saúde, a atual gestão estadual ainda repassou o montante de R$ 102 milhões às gestões municipais; o valor é relativo à dívida contraída em 2018. 
 
“Temos uma avaliação, no nosso entendimento, positiva. A Saúde iniciou o ano com extrema dificuldade, com uma dívida na casa dos R$ 600 milhões e inadimplência com todos os fornecedores e municípios. Hoje o cenário já é bem diferente, basta dizer que nós pagamos os recursos do mês de dezembro durante a vigência do mês de dezembro. Fechamos 2019 com chave de ouro”, concluiu Gilberto Figueiredo.

Fonte: Ana Lazarini | SES-MT
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.