Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Além do traficante, um comparsa e um menor foram presos na boca de fumo, durante a noite dessa quarta-feira (25), na Cohab Oito, em Várzea Grande.
Um traficante, supostamente membro da facção criminosa Comando Vermelho (C.V), identificado apenas como Igor, 19 anos, conhecido como “Voz do Bairro” foi preso na Cohab Oito de Abril, em flagrante, durante a noite dessa quarta-feira (25), em posse de grande quantidade de drogas, notas falsas de dinheiro e ainda por resistência à prisão, entrando em luta corporal com policiais militares em Várzea Grande. Na abordagem, ele ainda agrediu os policiais ao tentar resistir à prisão.
Com o traficante, os policiais encontraram um menor de 16 anos e um comparsa que estava ‘ajudando’ Igor com as drogas, identificado como Luiz Felipe, 27 anos.
A Polícia Militar (PM) foi acionada pelo Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp) para verificar uma denúncia anônima que apontava o endereço de uma boca de fumo na Cohab Oito de Abril.
Quando a viatura se aproximava do endereço, os militares viram o menor tentando fugir do local, porém, os policiais conseguiram abordar o infrator, que foi apreendido com duas porções de maconha.
No momento em que os militares entraram na ‘casa do traficante’, Igor entrou em luta corporal com os policiais, que precisaram usar de força física para imobilizar e algemar o traficante. Em posse do bandido foram apreendidas porções de maconha, certa quantia em dinheiro e duas notas falsas, sendo uma de R$ 100 e outra de R$ 50.
No interior da residência foi preso Luiz Felipe, 27 anos, com mais 56 porções de maconha e 11 de Skank (supermaconha), a qual o bandido disse ser “da boa” e ainda ressaltou que estaria no local apenas auxiliando Igor.
Durante a prisão, o traficante fez menção à facção criminosa ao tentar incitar a população contra à PM ao dizer : “Vocês não podem deixar um irmão ser preso”.
RepórterMT/Reprodução
cohab 8 3.jpg
PM fechou boca de fumo em Várzea Grande.
No trajeto entre a boca de fumo à delegacia, Igor se debatia, causando hematomas no próprio corpo e ainda afirmou aos comparsas que “os irmãos da facção já teriam enviado uma advogada para soltar ele”.
Fato confirmado após a viatura chegar na unidade policial e uma mulher se apresentar como advogada dele.
Ao descer da viatura, o traficante ainda ameaçou os policias afirmando que “isso não vai ficar assim”.
A ocorrência foi registrada por crimes de tráfico de drogas, associação criminosa , moeda falsa, resistência e desobediência .
Os bandidos ficaram detidos aguardando as providências legais cabíveis ao caso.
Após consulta foi verificado que Igor e Luiz Felipe têm diversas passagens criminais por diversos crimes.
Fonte: MÁRIO ANDREAZZA/REPÓRTER MT
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.