Bem-vindo(a). Hoje é Juruena - MT

Quatro integrantes do grupo foram autuados em flagrante pelos crimes de tentativa de furto qualificado, porte ilegal de arma de fogo e associação criminosa.

Um grupo criminoso envolvido com furto de gado foi preso pela Polícia Civil de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, na quarta-feira (15).

De acordo com a Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf), a investigação começou após a equipe da Polícia Militar receber denúncia anônima de indivíduos que estavam parados em um veículo Fiat Uno em uma estrada vicinal de Pontal do Araguaia, tentando abater um bovino no corredor.

No local, os policiais militares encontraram quatro suspeitos, porém um deles conseguiu empreender fuga, sendo realizada a prisão em flagrante de três deles.

No momento da abordagem, os suspeitos estavam em posse de facas e machados, instrumentos utilizados para o abate de gado.

Após apresentação dos suspeitos, os policiais foram até a região onde eles foram abordados.

No local, os policiais verificaram a trilha amassada no mato, por onde o quarto suspeito foragiu, encontrando no caminho, ainda próximo ao carro do grupo, um revólver calibre 38.

Durante as buscas, os policiais foram informados por funcionários de uma fazenda que um boi do rebanho estava com ferimentos provocados por arma de fogo.

Os policiais seguiram as buscas e conseguiram localizar o suspeito em uma estrada vicinal, realizando a sua detenção.


Quatro integrantes do grupo foram autuados em flagrante pelos crimes de tentativa de furto qualificado, porte ilegal de arma de fogo e associação criminosa.

Fonte: G1 MT
Marcadores: ,

Postar um comentário

O Portal DN Notícias não se responsabiliza pelos comentários aqui postados. A equipe reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional, inseridos sem a devida identificação do autor ou que sejam notadamente falsos, também poderão ser excluídos.
Lembre-se: A tentativa de clonar nomes e apelidos de outros usuários para emitir opiniões em nome de terceiros configura crime de falsidade ideológica. Você pode optar por assinar seu comentário com nome completo ou apelido. Valorize esse espaço democrático Agradecemos a participação!

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.